Reforma da Varanda, parte 1: Porcelanato Madeira de Demolição

Olá, queridos e queridas! No post passado, eu compartilhei aqui uma seleção de vários ambientes decorados com o meu acabamento favorito do momento: o porcelanato em estilo de madeira de demolição. Aqui no apartamento, eu decidi usá-lo em um lugar que, há muito tempo, eu penso em reformular: a varanda.

Minha varandinha é meu xodó, é o lugar onde fica meu jardim vertical, onde gosto de tomar um café com calma no fim da tarde, onde consigo apreciar um nascer do sol incrível. É bem pequena, tem pouco mais de 3m2, mas, como já vimos inúmeras vezes aqui no blog, isso não é desculpa para nada!

café no jardim numa manhã cinzenta

A post shared by a saga do apartamento (@asagadoapartamento) on

Pois bem, já que o lugarzinho é tão querido, eu queria deixá-lo com ainda mais personalidade. E, para isso, eu decidi trocar o revestimento das paredes internas da varanda. Eu já tinha até dado uma solução provisória para isso, colocando adesivos que imitam azulejo hidráulico (foto acima) na parede da floreira, mas eu sabia que, quando houvesse a oportunidade, eu iria trocar o revestimento em definitivo.

Após muitas pesquisas e visitas em lojas de decoração e revestimento, me decidi pelo porcelanato em madeira de demolição pois ele une praticidade e beleza – é extremamente fácil limpar e manter, e ainda é muito bonito – e está de acordo com a identidade que eu pretendo dar à varanda (mais sobre isso em breve…).  Se você está interessado em outros ambientes decorados com este tipo de porcelanato, dê uma olhada no post anterior onde compartilhei algumas das opções interessantes que considerei em minhas pesquisas.

Sem mais delongas, vamos ver então um antes e depois da varanda?! Que saudade desses antes e depois hahaha!

Antes, com o revestimento original da varanda, em monocapa.

revestimento monocapa (2)

A monocapa dava um acabamento super áspero para a superfície (acredito que dê para observar até pela foto), e acaba acumulando sujeira, por ser extremamente porosa.

E agora o depois, com o novo revestimento em porcelanato:

porcelanato madeira rústica (2)

Te contar, fiquei… <3! Ainda hoje me surpreendo com o poder transformador de um bom revestimento. E o melhor: como a área da varanda não é tão grande, o investimento não precisa ser tão alto. O m2 mais barato que encontrei desse porcelanato específico foi por $88,90 (na Chatuba; cheguei a ver por $129,90 na C&C), mas precisei de apenas 4 caixas para revestir as paredes da varanda.

porcelanato ceusa extint vecchio

Eu também revesti o peitoril com o mesmo acabamento:

peitoril porcelanato

Antes, debraçar-se sobre ele era até incômodo porque, como disse, o revestimento original era muito áspero. Agora, o porcelanato, ainda que seja rústico, é bem mais liso e agradável ao toque.

De acordo com as especificações do fabricante, a Ceusa, esse porcelanato retificado pôde ser assentado com junta seca, isso é, as placas podem ficar encostadas uma na outra, sem a necessidade de uma junta mínima. O efeito estético disso é muito legal, pois tem bem menos rejunte (só dão um acabamento final melhor) e parece que são placas bem maiores!

porcelanato ceusa legno extint

 

Mas assegure-se de seguir as especificações do fabricante! Se for o caso de ter uma junta mínima de assentamento, respeite tais orientações!

porcelanato madeira demolição

Bem, o que acharam? Eu amei! Mas posso lhes dizer, esse é só o início da reformulação da varanda, vem mais coisa por aí (depois da varanda teremos outras reformas de outros ambientes) e eu mal posso esperar para vê-la pronta! Que comecem os jogos! E enquanto isso, não deixe de nos seguir no Instagram @asagadoapartamento.

ceusa extint vecchio

Um abraço e até breve!

Thiago S.

 

Se você gostou desse post, também gostará de:

 

Porcelanato estilo Madeira de Demolição

Nosso lar, por ser um claro reflexo de quem o habita (e que transforma um simples espaço físico em um “lar”), está sempre em evolução, já que nós mudamos com o tempo. Então uma vontade de mudança é cíclica, vai e vem, em ondas.
                                                                                                                                                  .
Ano passado, fiz algumas reformas que trouxeram uma dinâmica completamente diferente para o apartamento: reformei completamente a sala, trazendo mais cor através da pintura das paredes, da nova tela como ponto focal na sala, das molduras usadas de diversas formas; coloquei também rodatetos e troquei a bancada americana, com um viés mais funcional. Foram reformas que não tiveram um impacto financeiro enorme, mas com certeza injetaram vida e personalidade nos ambientes; assim como fizeram melhor uso do espaço. Mais que dinheiro, o que importa é sempre uma ideia na cabeça.
                                                                                                                                                .
Esse ano, as ideias são outras. Estou repensando outros ambientes, e tenho pesquisado muitos acabamentos para ver o que tem de novidade no mercado (sempre tem alguma coisa!), as novas tendências, e, claro, filtrando tudo isso pelo meu gosto pessoal e as próprias ideias que tenho para os ambientes.
                                                                                                                                                .
No post de hoje, irei compartilhar algumas das ideias que tive em relação a um dos ambientes que serão reformados, pois já decidi sobre um dos tipos de acabamento: o porcelanato que imita madeira de demolição.
Decortiles Ecovilla Pastilhart
A madeira de demolição original tem um viés sustentável, no que reaproveita a madeira usada na demolição de casas e obras grandes, dando um novo e diferenciado uso às peças. Atualmente, a madeira de demolição tem sido usada como contraste entre o antigo e o moderno em diversos projetos arquitetônicos, resultando em belíssimos trabalhos, com elegância e responsabilidade ecológica.
Porcelanato Ceusa Oliva
A madeira de demolição conserva traços de sua exposição ao tempo, à chuva, ao Sol; ela as exibe com orgulho!
Painted HD Portinari

Mas, claro, nesse post, estamos lidando com porcelanatos que imitam a madeira de demolição – todas as fotos desse post são exemplos – e não ela própria. Uma vez que a madeira de demolição tornou-se objeto de desejo, as fabricantes de porcelanatos passaram a fabricar peças com resultados extremamente parecidos – até ao toque – à madeira de demolição natural.

As vantagens são óbvias: você pode usar o porcelanato em madeira de demolição em ambientes que, tradicionalmente, não são recomendadas as madeiras naturais ou laminados, como a cozinha, o banheiro ou áreas externas; mas, preservando a estética e o estilo conferidas pelas mesmas.

ceramica-provenceacabamentos

Dependendo do quanto você estiver disposto a investir, as opções são muitas, e os preços podem variar bastante. Eu tenho feito muitas pesquisas e já vi preços que vão de R$24,90 o metro quadrado…

PISO-MADEIRA-DEMOLICAO-INCEFRA

… como esse acima da Incefra, em placas de 50×50…

… até preços que passam facilmente da casa dos R$100 o m2 (podendo chegar a quase R$200), como é o caso desse modelo abaixo da Itagres, em placas de 17×103 cm, onde cada peça da caixa tem características próprias, dando um ar bastante natural ao resultado final.

porcelanato_borda_reta_rustique_rouge_17x103cm_itagres_89044816_00010_600x600 rustique rouge 

Os modelos desse post (fora o da Incefra) são deste último tipo, com placas no formato de piso laminado, e realmente não há comparação em relação à estética final. Isso se reflete no preço, claro: nesse tipo de acabamento retangular, o mínimo de preço que encontrei foi R$75 o metro quadrado.


ade95f44c02ed12589fd253de9a7dde8

Mas o investimento vale a pena…. O resultado final é simplesmente incrível, não é? Olha esse box do banheiro com o porcelanato em madeira de demolição (e cimento queimado). Nunca que usaríamos uma madeira dessa num ambiente diretamente exposto à água; porém, o porcelanato permite isso.

porcelanato rustico

Bem, posso adiantar que esses foram alguns dos “finalistas” para um dos ambientes que vou reformar, mas não escolhi nenhum desses, no final! Em breve mostro pra vocês como ficou o resultado, a obra está para começar! Até lá, não se esqueçam de seguir nossa conta no Instagram: @asagadoapartamento, estou sempre postando ambientes inspiradores e novidades por lá!

Abraços,

Thiago S.

Se você gostou desse post, também vai gostar de: