Reforma da Varanda, parte 1: Porcelanato Madeira de Demolição

Olá, queridos e queridas! No post passado, eu compartilhei aqui uma seleção de vários ambientes decorados com o meu acabamento favorito do momento: o porcelanato em estilo de madeira de demolição. Aqui no apartamento, eu decidi usá-lo em um lugar que, há muito tempo, eu penso em reformular: a varanda.

Minha varandinha é meu xodó, é o lugar onde fica meu jardim vertical, onde gosto de tomar um café com calma no fim da tarde, onde consigo apreciar um nascer do sol incrível. É bem pequena, tem pouco mais de 3m2, mas, como já vimos inúmeras vezes aqui no blog, isso não é desculpa para nada!

café no jardim numa manhã cinzenta

A post shared by a saga do apartamento (@asagadoapartamento) on

Pois bem, já que o lugarzinho é tão querido, eu queria deixá-lo com ainda mais personalidade. E, para isso, eu decidi trocar o revestimento das paredes internas da varanda. Eu já tinha até dado uma solução provisória para isso, colocando adesivos que imitam azulejo hidráulico (foto acima) na parede da floreira, mas eu sabia que, quando houvesse a oportunidade, eu iria trocar o revestimento em definitivo.

Após muitas pesquisas e visitas em lojas de decoração e revestimento, me decidi pelo porcelanato em madeira de demolição pois ele une praticidade e beleza – é extremamente fácil limpar e manter, e ainda é muito bonito – e está de acordo com a identidade que eu pretendo dar à varanda (mais sobre isso em breve…).  Se você está interessado em outros ambientes decorados com este tipo de porcelanato, dê uma olhada no post anterior onde compartilhei algumas das opções interessantes que considerei em minhas pesquisas.

Sem mais delongas, vamos ver então um antes e depois da varanda?! Que saudade desses antes e depois hahaha!

Antes, com o revestimento original da varanda, em monocapa.

revestimento monocapa (2)

A monocapa dava um acabamento super áspero para a superfície (acredito que dê para observar até pela foto), e acaba acumulando sujeira, por ser extremamente porosa.

E agora o depois, com o novo revestimento em porcelanato:

Te contar, fiquei… <3! Ainda hoje me surpreendo com o poder transformador de um bom revestimento. E o melhor: como a área da varanda não é tão grande, o investimento não precisa ser tão alto. O m2 mais barato que encontrei desse porcelanato específico foi por $88,90 (na Chatuba; cheguei a ver por $129,90 na C&C), mas precisei de apenas 4 caixas para revestir as paredes da varanda.

porcelanato ceusa extint vecchio

Eu também revesti o peitoril com o mesmo acabamento:

peitoril porcelanato

Antes, debraçar-se sobre ele era até incômodo porque, como disse, o revestimento original era muito áspero. Agora, o porcelanato, ainda que seja rústico, é bem mais liso e agradável ao toque.

De acordo com as especificações do fabricante, a Ceusa, esse porcelanato retificado pôde ser assentado com junta seca, isso é, as placas podem ficar encostadas uma na outra, sem a necessidade de uma junta mínima. O efeito estético disso é muito legal, pois tem bem menos rejunte (só dão um acabamento final melhor) e parece que são placas bem maiores!

porcelanato ceusa legno extint

 

Mas assegure-se de seguir as especificações do fabricante! Se for o caso de ter uma junta mínima de assentamento, respeite tais orientações!

porcelanato madeira demolição

Bem, o que acharam? Eu amei! Mas posso lhes dizer, esse é só o início da reformulação da varanda, vem mais coisa por aí (depois da varanda teremos outras reformas de outros ambientes) e eu mal posso esperar para vê-la pronta! Que comecem os jogos! E enquanto isso, não deixe de nos seguir no Instagram @asagadoapartamento.

 

Um abraço e até breve!

Thiago S.

 

Se você gostou desse post, também gostará de:

 

Anúncios