Porcelanato ou Deck de Madeira? Revestindo Banheiro e Varanda

Trocar o piso da varanda e do banheiro era algo que não estava nos meus planos inicialmente. Pelo menos não imediatamente. Mas, no fim, não teve jeito. Não só porque o piso da sala e da cozinha elevaram o nível dos acabamentos, mas, principalmente, porque os acabamentos originais do apartamento, “cortesia” da Sinco Engenharia, eram péssimos! Impressionante: O piso original do banheiro, que era novo, parecia que tinha anos de uso. A cerâmica branca ficava encardida facilmente (isso numa época que o banheiro mal era utilizado!) e o rejunte nem se fala. Pedi, 2 vezes, para a Sinco trocar o rejunte do meu banheiro, e eles atenderam ao pedido; mas não deu outra: menos de 1 semana depois, o rejunte já estava todo amarelado e encardido novamente.

Pelo. Amor. De. Deus.

Isso é revoltante! Fico pensando nas pessoas que, por vários motivos, não tem a condição no momento de fazer a troca de acabamentos, e é obrigada, após investir num apartamento NOVO, a lidar com pintura com material de baixa qualidade, acabamentos feios, sem falar na diversa gama de problemas como conduítes obstruídos (sofri muito para conseguir que a empresa de internet passasse o seu cabo pelo conduíte aqui…) e canos mal colocados que simplesmente soltam, causando gravíssimos problemas nas áreas comuns. Não é fácil. As construtoras utilizam materiais de baixa qualidade (atestado pelos seus próprios funcionários!) e quem paga o pato (e a conta do apartamento!) somos nós.

Mais uma vez, fica aí o alerta para a duplinha MDL Realty e Sinco Engenharia. Enfim, desabafo mode [off]. Vamos voltar ao piso. Daí que o piso começou a me incomodar muito. O mesmo piso em cerâmica branca também era usado na varanda, e, nossa, como ficava sujo. Você podia lavar a varanda num dia, que no dia seguinte tava com aspecto sujo novamente. Assim não dá!

O que me incomodava de verdade era o banheiro, mas como me estressei e resolvi que ia arrancar de uma vez o piso e o rejunte, decidi aproveitar logo e trocar o da varanda também. Afinal, não era uma área muito grande a ser coberta, então não seria um investimento tããão alto. Então comecei a procurar nas lojas de acabamentos o piso ideal… O que eu  pude perceber? Uma grande tendência: Porcelanato imitando pisos de madeira. Eles estão por toda parte!! Tem alguns que são muuuito parecidos com pisos laminados, até na textura. É impressionante! Como acho decks de madeira muito charmosos, especialmente para varandas, quando dei de cara com esses porcelanatos da Eliane, me apaixonei, e sabia que não tinha outra opção.

Havia essas duas lindíssimas cores disponíveis, o Parquet Bambu e o Parquet Caramelo. Achei, entretanto, que o Parquet Bambu tinha mais a ver com o apartamento… 2 semanas depois, meu banheiro e minha varanda eram dois ambientes com-ple-ta-men-te diferentes!!! Vamos a parte boa, as fotos!

Aaaaaaaaaaaaagora sim!!! Vou chegar a dizer algo que não costumo muito falar: o resultado superou minhas expectativas. Nem parece o mesmo banheiro! Depois de tudo que já passei, ainda consigo me surpreender com a diferença que um piso faz. E outra: Esse piso não só é bonito, como é prático – super fácil de limpar. Gostei demais! Uma foto do box…

A princípio eu pensei, “será que porcelanato e banheiro combinam?”, achando que fosse ser escorregadio. Bem, depende do porcelanato. Se fosse algo como o da Cozinha, por exemplo, com certeza seria sim. Aquele piso é polido, de alto brilho. Já esse não é polido, é menos liso, e ainda tem esses vincos, que não são apenas estéticos, você consegue sentir todos os vincos do piso!

Creio que dá pra perceber vagamente na foto, se você olhar para o cantinho direito embaixo, que todos os vincos podem ser sentidos, e isso também serve para evitar escorregões. Outra coisa, a colocação foi super prática, pois não houve quebra-quebra, colocamos o porcelanato sobre a cerâmica original utilizando uma argamassa específica para piso-sobre-piso, a Super Liga Argamassa Plus (Tipo AC-3). É muito boa! Agora vamos para a varanda!

Que felicidade: Lindo, e super prático e fácil de limpar… aparenta muuuuito menos poeira do que o piso anterior. Estou in love! Agora uma focando no piso:

Fiquei muito feliz com o resultado! Gostaram? Achei que super valeu a pena ter gasto um a mais, creio que valorizou MUITO tanto a cozinha quanto a varanda. Foi um feliz investimento.

Abraços,

Thiago S.

O blog no Instagram @asagadoapartamento

O blogueiro no Instagram @thisardenberg

 

Leia também a avaliação que fiz dessa compra, 1 ano e meio após a instalação:

Se você gostou desse post, também vai gostar de:

Anúncios

Primeiro Aniversário do Blog: Uma Retrospectiva

“Eu preciso escrever esse blog. Nunca escrevi um antes. Mas agora, eu sinto que preciso falar sobre os muitos capítulos dessa longa saga que teve início lá em outubro de 2009. Falar pra quem está passando pela mesma situação, falar pra quem está considerando se vale a pena passar por esta situação… Só nós sabemos como é dura essa jornada!”

Há um ano, era assim que eu dava início ao blog. Eu realmente precisava escrever, como uma forma de desabafar, de botar pra fora tudo que eu estava sentindo em relação ao longo atraso da entrega das chaves do apartamento pela MDL Realty.

O que eu não fazia ideia era de que, um ano depois, esse “diário” seria acessado por milhares de pessoas todos os dias no Brasil é até fora dele, e que eu teria trocado ótimas experiências com um monte de gente que passou, está passando ou irá passar pela mesma situação (para os dois últimos grupos de pessoas– força!!).

Também não sabia que esse blog se tornaria, para mim, um poderoso veículo para falar sobre as empresas com as quais lidei; seja para elogiar e recomendar, ou, talvez principalmente, para alertar sobre experiências negativas. É maravilhoso saber que a nossa experiência não foi em vão, e toda vez que alguém me manda uma mensagem me dizendo que privilegiaram outras empresas em detrimento das que mencionei (oi New Móveis, tudo bem MDL Realty? estou falando principalmente de vocês), sinto que meu dever está sendo cumprido.

Fora essas coisas chatas, também há as coisas boas, claro. Que são muitas, e incríveis. Não tinha ideia do quanto iria me divertir decorando meu apartamento, deixando-o do jeito que sempre sonhei. E compartilhando aqui, claro. Não é nada fácil (afinal, estou eu aqui um ano depois… e ainda não acabou rs); e que há sempre dor de cabeça (gente que marca um dia e não aparece, ou simplesmente somem, profissionais que não deveriam ter o privilégio de serem chamados de “profissionais”…) é fato; mas, ainda assim, ver as coisas indo pro lugar é maravilhoso.

Ainda mais quando se tem o apoio de uma querida comunidade blogueira, composta por leitores e outros colegas de blogs, que entram no blog como se fossem aquele tipo raro de visita que você nem quer que vá embora, que te põe pra cima, te dá uma força. Gente que te pergunta se você já considerou decoração como uma profissão (hahahaha). Para um professor de inglês que nunca tinha decorado nem seu próprio quarto direito, não dá pra não ficar minimamente lisonjeado, né? 😉

Só sei que esse mundo das blogueiras e blogueiros que, em suas ‘sagas’ particulares, abrem seus lares com a maior boa vontade e compartilham suas ideias sempre elucidantes, é um espaço maravilhoso, acolhedor, onde me sinto muito bem. Queria ter todos como vizinhos, queria pedir café na porta de vocês e admirar o quadro que você escolheu com tanto cuidado para dar as boas-vindas às visitas.

E como esse post é também uma retrospectiva, preparei aqui uma breve lista com 5 posts que representam 5 momentos muito importantes pra mim nesse primeiro ano de blog/apartamento. Foi mais difícil do que imaginava escolher…. mas vamos a eles!

01.

Chaves na Mão!!!

Não tinha como escolher outro para encabeçar a lista, né? A entrega das chaves, especialmente do primeiro lar, é sempre algo marcante, então poder escrever esse post finalmente foi maravilhoso. Infelizmente, as memórias dessa época não são lá tão boas, graças à péssima sensação de passividade diante da MDL Realty e da Sinco Engenharia, que, constantemente, atrasavam na entrega da obra, resultando num atraso total de um ano.

O pior é que a má-intencionada da MDL ainda teve a coragem de alegar, em juízo, que o atraso foi de “12 dias”. Alegaram que tiveram motivos para fazer uso dos 6 meses que, teoricamente, as construtoras teriam para atrasar (mas NUNCA apresentaram para os clientes qualquer desculpa plausível), e, apesar de sempre ter sido informado (inclusive por carta) que o prazo era dezembro/2010 (sempre foi), no contrato, eles, de má fé, não colocaram data de entrega exata, parafraseando algo como “entrega 2 anos após a incorporação do memorial descritivo”. Coisas que não prestamos a atenção na hora. O tal memorial era de maio/2009, + 2 anos = maio/2011. Adicione os 6 meses e você tem novembro/2011. As entregas foram em dezembro/2011. E o pior é ver que a justiça aceita esse tipo de lambada, esse tipo de coisa que fica claro que é má fé.

Enfim, fica a dica: Não confiem na MDL REALTYE prestem muita atenção nos contratos, especialmente no que toca a data de entrega!

Quanto à construtora, a Sinco Engenharia, basta dizer que eu simplesmente não consegui manter nenhum dos revestimentos usados originais que vieram com o apartamento, dada a “qualidade” dos mesmos; e que coisas básicas como o caimento nos banheiros e cozinha são péssimos. Obras corridas, sem o devido capricho.

Enfim, depois que recebi as chaves, coube a mim ditar as regras do meu espacinho, e aí sim a coisa começou a ficar legal.

Posts relacionados: A saga do apartamento, Atraso nas Chaves

* * *

02.

Finalmente os Móveis Planejados da Cozinha!!! – Italínea

“Finalmente” é com certeza a palavra certa para descrever essa experiência bem recente. Os móveis da cozinha foram a primeira coisa que comprei para o apartamento, antes mesmo de receber as chaves dele, há mais de um ano atrás, como relatei em Projeto da Cozinha. E, se dependesse da loja New Móveis e sua fábrica, a Unicasa, eu ainda estaria sem eles.

Após a loja onde comprei fechar (o dono pegou o dinheiro dos clientes e fugiu, segundo fui informado pela própria New), e eu constatar que a fábrica não queria me ajudar (me enrolaram por meses a fio, como relatei aqui), levei o caso  para a justiça e comprei os móveis novamente, em outra loja, a Bon Bini, da fábrica Italínea. No final do prazo, os móveis foram entregues e montados sem maiores preocupações. Queria eu ter comprado na Bon Bini antes!

Ah se alguém tivesse escrito um “A novela dos móveis planejados” antes de mim, teria me poupado de tanta dor de cabeça! Mas enfim, agora os móveis estão lá na cozinha, lindos e funcionais.

Posts relacionados: Projeto da CozinhaA novela dos móveis planejados (ou também: “Fujam da NEW!”)A novela dos móveis planejados continua (Mais problemas com a New Móveis)A novela dos móveis planejados, parte 3: Descaso da New/UnicasaNovo Projeto da Cozinha: Italínea.

* * *

03.

A saga do piso, parte 5: Laminado finalmente instalado!!!

O piso… definitivamente um dos posts que mais gostei de escrever (notem que essa é a parte 5 da série sobre pisos laminados). O piso vem de uma paixão antiga, de uma fascinação por pisos de tábua corrida. Sempre gostei, desde criança. Quando comprei o apartamento, tinha uma certeza absoluta: queria um piso assim, e estava disposto a desembolsar um pouco mais para ficar do jeito que sempre quis.

A linha de pisos laminados Studio da Durafloor, com seus vincos nas laterais das réguas, é muito linda: amplia o ambiente, dá aquele ar acolhedor e é muito elegante. E dá exatamente o efeito que eu estava buscando, com as tábuas corridas. Até hoje eu me pego admirando o piso, acreditam?

Posts relacionados: A saga do piso, parte 1A saga do piso, parte 2A saga do piso, parte 3: Chaves sim, obras não…A saga do piso, parte 4: ano novo, casa nova… problemas novos.

* * *

04.

Sala de jantar tomando forma: Mesa e Papel de Parede!!!

A escolha do papel de parede e da mesa de jantar para o apê foram muito importantes, porque foram eles que basicamente ditaram as outras escolhas que fiz para a sala de jantar e estar. Você tem ali representada toda a paleta predominante no apê, branco, cinza, bege, marrom acinzentado. Sofá, rack, espelho, iluminação, tudo foi pensado para potencializar a beleza e estar em sincronia com esse espacinho ali.

Foi quando eles chegaram que eu também suspirei e disse, “é, as coisas estão MESMO acontecendo!”,  e por isso o post é digno de figurar na listinha.

Posts relacionados: Objetos de desejo: Mesa de jantarEscolhendo o Papel de Parede

* * *

05.

Organizando o Open House

Parte 1: Quem/Como/Quando convidar + O Que servir

Parte 2: Como recepcionar os convidados e Decoração

Para quem está com um apartamento novo, uma das maiores alegrias é aquele momento em que você finalmente pode chamar os seus amigos para conhecer seu lar.

Por essa razão, pra fechar o “Top 5” escolhi as duas partes do post “Organizando o Open House”, onde falei sobre todos os aspectos da “estreia social” do meu apê, desde planejamento e cardápio até decoração. Foi muito bom receber meus amigos em casa! E parece que até inspirei alguns deles a retomarem suas reformas!

* * *

Bem, é isso. Com um ano de idade, o blog está atingindo a maturidade, e, ainda que muitos posts-chave já tenham sido escritos, ainda tenho vários outros que estou bem ansioso para começar a escrever e compartilhar com vocês… começando com o que devo postar já na semana que vem, o das Pastilhas INOX na Cozinha, finalmente! Comprei as pastilhas há quase um ano, mas só agora, que os móveis foram instalados, que pude chamar alguém para colocar.

Enfim, fiquem ligados… ainda tenho muita história pra contar 😉

Grande abraço,

Thiago S.

A saga do piso, parte 4: ano novo, casa nova… problemas novos

E aí caros leitores, divertiram-se bastante no réveillon? Espero que sim!

2012 chegou, e com ele, o início das obras no apartamento. O pedreiro da construtora está desde ontem preparando o contrapiso para receber o laminado. Já dá pra ver uma diferença.

Antes, notem como estava poroso, áspero e com pedrinhas.

… e agora, bem mais liso.

Ele ainda vai fazer uma outra nata de cimento por cima dessa para deixar ainda mais liso. Vocês precisavam ver quanta pedrinha saiu desse chão! Pelo menos, é um problema sendo resolvido. Problema esse que poderia ter sido evitado caso a MDL Realty e a Sinco Engenharia fossem empresas competentes, como relatei detalhadamente aqui.

Enfim– hoje também entregaram os pisos da Durafloor! \o/

Olha, eu esperei muito pra ver essas caixas de pisos! Coisa de anos! Infelizmente, não consigo ficar tão feliz quanto deveria por causa dos outros probleminhas que tem aparecido no apartamento (e no condomínio, de forma geral).

No meu apartamento, o que mais me preocupa é a infiltração por baixo da janela.

O problema é que, como vocês podem ver na foto, a janela não tem pedra granito embaixo, isolando-a. Olha, eu acho que nunca vi isso antes. Na verdade, nunca tinha parado para reparar nisso, tanto é que quando visitei o apartamento modelo nem tinha me tocado disso. Mas agora, com essas chuvas todas, muitos moradores estão reclamando que surgiu infiltração por baixo da janela.

A construtora está dizendo que fará o serviço de reparação. Primeiro, rasparão essa monocapa de revestimento externo, que, por ter essas superfície acidentada, facilita a entrada d’água. Depois aplicarão ali um produto impermeabilizante. Eles dizem que será o suficiente. Mas eu não sei se será suficiente. Não sei se a falta da pedra embaixo fatalmente irá implicar em possíveis infiltrações futuras… e isso me preocupa muito. Quem irá se responsabilizar pela pintura no futuro? E se a água atingir o piso laminado, que é caro pra caramba? Nossa, gosto nem de pensar.

O apartamento tem 5 anos de garantia, e acredito que esse tipo de coisa com certeza esteja coberto. Mas é muito amadorismo, né não? Como pode uma empresa entregar algo assim? Então, volto a reforçar: MDL REALTY- NUNCA MAIS. Não caiam nessa. E a Sinco, Construtora, ainda que aos poucos esteja reparando o que foi feito às pressas, também está deixando muito a desejar. Num dos prédios do empreendimento (felizmente não o meu, mas dá medo), houve um vazamento sério no 15o andar, e o mesmo já chegou no TÉRREO. Sim. É revoltante!

Gastamos uma nota para realizar um sonho e deixar o apê com a nossa cara, para eles tratarem o imóvel assim? Uma coisa é certa: Meu processo judicial vai gostar muito de tudo isso. E até lá, vou tocando minha obra, e esperando para que tudo dê certo no final.

Até breve e espero que com boas notícias!

Thiago.

Se você gostou desse post, também vai gostar de: